Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

domingo, 18 de dezembro de 2016

Rá e Osíris e o amor do Rei Neferkare e do General Sasenet

Rá em sua barca solar
A antiga história egípcia do Rei Neferkare e do General Sasenet sobrevive apenas em fragmentos. Com a sua atmosfera de mistério noturno e intriga, é dos primeiros exemplos da tradição literária de "capa e espada". Ela é frequentemente citada por pessoas interessadas em homossexualidade e em sua história como sendo prova de que uma relação homossexual existiu entre um faraó e um dos seus oficiais. Por outro lado, a literatura reflete frequentemente costumes sociais: o conto é uma censura da conduta do rei, que bem pode refletir a atitude das pessoas em relação à homossexualidade.

sábado, 17 de dezembro de 2016

Futanari

Pedras representando dōsojin
encontradas perto de Karuizawa, Nagano (Japão)
Futanari (ふたなり, raramente:  二形, 双形, literalmente: "forma dual"; 二成, 双成, literalmente: "[ser de] dois tipos") é a palavra japonesa para o hermafroditismo, que também é usada em um sentido mais amplo para a androginia.

quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

Hórus e Set: Inimigos e Amantes



Hórus desafia Set pelo trono do Egito como sucessor de Osíris, que Set assassinou. A contenda entre eles é muitas vezes violenta, mas também é descrita como um julgamento legal ante a Enéada, a assembleia das divindades egípcias, para decidir quem deveria herdar o reinado. O juiz no julgamento pode ser Geb (deus da terra), que, como pai de Osíris e Set, ocupava o trono antes destes, ou podem ser os deuses criadores Rá ou Átum, os originadores da realeza. Outras divindades também assumem papéis importantes: Thoth frequentemente age como um conciliador na disputa ou como assistente do juiz divino, e no antigo texto "As Contendas de Hórus e Set", Ísis (mãe de Hórus) usa seu poder mágico e sua astúcia para ajudar seu filho.

quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Hermafrodito

Hermafrodito Adormecido,
Louvre, Paris (autor e século desconhecidos)
Na mitologia grega, Hermafrodito é filho da deusa Afrodite e do deus Hermes. De acordo com Ovídio, ele nasceu um rapaz extraordinariamente belo, por quem a ninfa das águas Salmácis apaixonou-se e rezou para serem unidos para sempre. Um deus, em resposta à sua oração, fundiu suas duas formas e transformou-os em um ser andrógino.  Seu nome é composto dos nomes de seus pais, Hermes e Afrodite. Hermafrodito é um dos Erotes, os belos deuses alados do amor e do sexo.

terça-feira, 13 de dezembro de 2016

Afrodito

Estatueta de hermafrodita anasirômeno,
mercado de arte romana
Afrodito (grego: Ἀφρόδιτος Aphróditos) era uma Afrodite masculina proveniente de Amato (Amathus) na ilha de Chipre e celebrado em Atenas em um rito travesti.

domingo, 27 de novembro de 2016

Begochidi, deus bissexual do povo borboleta

Cestaria com imagem de borboleta
da artista navajo Elsie Stone Holiday
Este é um mito totalmente novo para mim. Acabei de descobri-lo e decidi compartilhar aqui no blog.

sábado, 15 de outubro de 2016

Os Enares (parte 2)

"Ovídio entre os Citas" (1862), de Eugène Delacroix
O propósito deste post é fazer um complemento ao intitulado "Afrodite e os enares".

terça-feira, 11 de outubro de 2016

Oferendas a Antínoo

Oferendas a Antínoo

Artes de Felix D'Eon




domingo, 9 de outubro de 2016

Loki: Mãe

Loki consome um coração assado em uma pintura de John Bauer (1911)
Hyndluljóð

Loki é referenciado em duas estrofes da Völuspá hin skamma, encontrados dentro do poema Hyndluljóð.

sábado, 8 de outubro de 2016

Loki: Égua e Mãe

Loki (égua ao fundo) e Svadilfari, de Dorothy Hardy (1909)
Svadilfari

Na mitologia nórdica, Svadilfari (nórdico antigo: "viajante azarado") é um garanhão que gerou o cavalo de oito patas Sleipnir com Loki (sob a forma de uma égua). Svadilfari era propriedade de um gigante disfarçado e sem nome que construiu as muralhas de Asgard.

quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Loki: Mulher

Thökk

Thökk (Þökk; do nórdico antigo, relacionado ao inglês 'Thanks' [em português: 'Graças']) é uma jötunn da mitologia nórdica, presumida ser Loki sob disfarce, que se recusa a lamentar a perda de Baldr, forçando-o a permanecer em Hel (no Inferno).


Thökk em uma ilustração de um manuscrito islandês (1680)

Loki: Mulher e Mãe

Loki voando para Jötunheim (1908) de W. G. Collingwood
Na mitologia nórdica, Loki é um Deus e um jötunn (gigante de gelo). Seu pai é Fárbauti ("Atacante Cruel") e sua mãe se chama Laufey ("Cheia de Folhas") ou Nál ("Agulha") (quem lê os quadrinhos ou viu o primeiro filme de Thor da Marvel, aprendeu erroneamente que Laufey é homem e pai de Loki). Seus irmãos são Helblindi ("Cegador de Hel") e Býleistr ("Relâmpago-Calmante"). Com a jötunn Angrboða ("Quem Traz a Tristeza"), Loki é pai de Hel (Deusa do Hell, isto é, do Inferno), do lobo Fenrir e da serpente do mundo Jörmungandr. Com sua esposa Sigyn, Loki é pai de Narfi e/ou Nari. Com o garanhão Svadilfari, Loki é mãe — dando à luz sob a forma de uma égua — do cavalo de oito patas Sleipnir, corcel de Odin. Loki também é pai de Váli de uma mãe desconhecida (não confundir com Váli, filho de Odin), que foi transformado em lobo pelos Deuses e despedaçou seu próprio irmão, Narfi.

segunda-feira, 3 de outubro de 2016

Agathodaimon

Antínoo como Agathodaemon (130–138 da Era Comum)

Segundo o calendário ático (ateniense), seguido pelos modernos helênicos (seguidores do helenismo, ou reconstrucionismo helênico, religião que continua a tradição religiosa da Grécia Antiga), das 18h de ontem até as 18h de hoje estamos no segundo dia do mês lunar (contado a partir da Noumenia, a primeira noite em que se pode ver o fino arco da Lua após o dia da Lua Nova). E em todo segundo dia do mês lunar, para os helênicos, é dia de homenagear o agathodaimon (ἀγαθοδαίμων) ou agathos daimon (ἀγαθὸς δαίμων).

sábado, 1 de outubro de 2016

Odin, Freyja e Seiðr

Como vimos na postagem Homoteose nórdica, os povos nórdicos em geral não eram muito receptivos com a homossexualidade masculina, mas isso não impediu que sua rica mitologia nos brindasse com relatos variados, como este que veremos a seguir.


______________________________________

Seiðr

Homotheose nórdica

Freyr e Surtr, de Lorenz Frølich (1895)

As sagas no idioma nórdico antigo não incluem histórias de relacionamentos gays ou lésbicos, nem referência direta a personagens LGBT, mas elas contêm várias instâncias de vingança decretada por homens acusados de serem parceiros passivos numa relação sexual, o que era considerado comportamento "não viril" e, portanto, uma ameaça à reputação como líder ou guerreiro.

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Afrodite e os enares

Estátua de Afrodite com uma tartaruga (século II ou III),
encontrada na capela de Afrodite do templo de Ártemis, na Síria
Um enaree ou enarei (grego antigo: ἐναρής [énáres]) era um xamã cita, descrito como afeminado ou andrógino. O xamanismo cita envolvia êxtase religioso através do uso de enteógenos (substâncias alteradoras da consciência, tendo o historiador grego Heródoto confirmado que eles usavam sementes de cânhamo [maconha]); não tinham templos e adoravam as forças da Natureza.

quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Destaque: Aquiles

Aquiles
de Innocenzo Fraccaroli (1805-1882)
Villa Reale, Milão


Veja mais imagens abaixo:

Calendário da Lua